Um estudo sobre o salmo 95

Por Odalberto Domingos Casonatto O uso deste Salmo de louvor e ação de graças nas orações dos fiéis nas Igrejas. Há muito tempo, o salmo 95 e usado pela igreja como louvor e ação de graças nas orações dos fiéis. Este salmo está dividido em duas partes. Começa com um cântico de louvor dos fiéis…

O significado de Jerusalém na Bíblia e na tradição de Israel

Por Elio Passeto Eu gostaria de iniciar nossa reflexão sobre Jerusalém citando uma frase de P. Bernard Dupuy, pronunciada por ocasião do Congresso Mundial Judeu na França, 1979: “Jerusalém é a Cidade onde a fé cristã nasceu. Este fato faz com que o cristianismo não possa definir-se sem uma relação profunda com o povo de…

Evangelho de Lucas – Parte 3: Aos pobres, uma Boa Notícia

“O Espírito do Senhor Javé está sobre mim, porque Javé me ungiu, Ele me enviou para dar a boa notícia aos pobres, para curar os corações feridos, para proclamar a libertação aos escravos e pôr em liberdade os prisioneiros, para proclamar o ano da graça de Javé, o dia da vingança do nosso Deus, e…

Por uma santidade vigilante e libertadora

Leia a reflexão sobre Marcos 13,24-32, texto de Marcos Aurélio dos Santos Na perícope evangélica citada acima, iremos refletir sobre um trecho do capítulo treze do Evangelho de Marcos. O ensino de Jesus nessa passagem é sobre serviço e a vida de santidade, e já podemos começar com uma pergunta: o que temos aprendido sobre santidade em…

Rumo aos 40 anos do CEBI MG : Curso de Capacitação em Leitura Popular da Bíblia

Em América Latina e Caribe, a Bíblia é um dos livros que sobreviveu em meio de vicissitudes: arma de dominação/opressão mas também poderoso e criativo instrumento de libertação e conscientização. A raiz, fonte e originalidade da leitura bíblica do CEBI (Centro Ecumênico de Estudos Bíblicos) é o mundo dos pobres, a flagrante pobreza, desigualdade, injustiça…

Tu és o meu filho amado, em ti está o meu agrado

Texto de Ildo Bohn Gass A liturgia deste final de semana propõe abrir-nos a Deus, da mesma forma como Jesus o fez ao acolher o dom do Espírito enquanto estava em oração logo após o seu batismo. Em Lucas, a narrativa a respeito do batismo de Jesus vem depois do Evangelho da Infância. Entre as narrativas…

A Leitura da Bíblia nas Comunidades Eclesiais de Base

Por Francisco Orofino Na Coluna passada vimos os perigos do clericalismo, um vírus que pode destruir a proposta eclesial apresentada pelo Concílio Vaticano II, uma Igreja Povo de Deus, sinodal, aberta e popular. Concluímos que as vacinas que podem deter este vírus seriam as CEBs, os círculos bíblicos e o empoderamento dos Conselhos paroquiais e…

Evangelho de Lucas – Parte 2: Estrutura e Itinerário

“Assim, também eu decidi escrever para você, ilustre Teófilo, uma narração bem ordenada, depois de ter investigado cuidadosamente todas as coisas desde o princípio.” (Lc 1,3) Por Hermes Fernandes Em continuidade ao nosso projeto de trabalhar o Evangelho de Lucas neste ano, desejamos agora tratar do itinerário e estrutura deste que é o terceiro Evangelho….

Um Chá de Fraldas Inusitado! Os homens da vida de Jesus

Leia a reflexão sobre Mateus 2:1-12 , texto de Lilian Sarat O nascimento de uma criança na família causa sempre uma grande alegria e renovação. Desde os primeiros meses da gestação o bebê ganha presentes de tios, tias, amigos e amigas. A conversa gira em torno do sexo biológico da criança e qual será o seu…

Evangelho de Lucas – Parte 1: Jesus, Messias dos Pobres

Por Hermes Fernandes Contextualizando O Evangelho de Lucas é a primeira parte da obra Lucana, sendo a segunda o livro dos Atos dos Apóstolos. Segundo algumas referências históricas sugeridas na própria obra Lucana, podemos datar sua composição por volta dos anos 80 ou 90 E.C.  É possível identificar muitas semelhanças entre este Evangelho e os…

Arrumação – Dor e Esperança no contar e cantar do sertanejo

Por Hermes A. Fernandes A música icônica de Elomar Figueira de Melo, sobretudo Arrumação, sintetiza o clamor do pobre sertanejo. Alegoria secular ao Livro de Jó, fala de sofrimento e esperança, sem deixar de questionar o por quê e o para quê de tanto penar. Mais que música. Uma reflexão acerca da condição humana. O…

Jesus criança, o rosto humano da ternura de Deus

Sob a inspiração de Lucas 2,1-20 Por Ildo Bohn Gass o segundo capítulo de Lucas, ainda estamos no Evangelho da Infância de Jesus (Lucas 1-2). Mais do que dizer como os fatos aconteceram, essas narrativas querem conduzir-nos para além dos fatos, querem ir mais fundo. São literalmente “parábolas”, isto é, querem “jogar para além”. Por…

Judaísmo e Cristianismo – Parte 80: Vayeira, o Espaço entre Nós

Por Jonathan Sacks As histórias contadas nos capítulos 21 e 22 de Gênesis (Bereishit) – o envio de Ismael e a amarração de Isaque – estão entre as mais difíceis de entender em todo a Bíblia. Ambos envolvem ações que nos parecem quase insuportavelmente duras. Mas as dificuldades que apresentam são ainda mais profundas do que isso….

A visita do anjo aos pastores – Paz aos Excluídos

A propósito de Lucas 2,1-20 Por Mesters e Lopes SITUANDO O motivo que levou José e Maria a viajar para Belém foi o recenseamento decretado pelo imperador de Roma (Lc 2,1-7). Periodicamente, as autoridades romanas decretavam tais recenseamentos nas várias regiões do seu imenso império. Era para recadastrar a população e saber quanto cada pessoa…

Judaísmo e Cristianismo – Parte 79: Chayei Sara, Sara Vive

Por Jonathan Sacks Nossa parashá contém a descrição mais serena da velhice e da morte em qualquer lugar da Torá: “Então Abraão deu seu último suspiro e morreu em uma boa velhice, um homem velho e cheio de anos; e ele foi reunido ao seu povo ”(Gênesis 25,8). Há um versículo anterior, não menos comovente: “Abraão era…

Judaísmo e Cristianismo – Parte 78: Lech Lecha, Caminhe diante de Mim

Por Adin Steinsaltz Prova e lutaAté certo ponto, as duas primeiras parashot na Torah são narrativas trágicas, lidando com as falhas fundamentais do ser humano. Ao contrário, com Lekh Lekha começa uma série de alegres parashot. Desta parasha em diante entramos numa realidade diferente, mais focadas nos triunfos do ser humano e nas suas conquistas. Os personagens centrais destas parashot – Adão,…

Por uma santidade vigilante e libertadora

Por Marcos Aurélio dos Santos A propósito de Marcos 13,24-32 No Evangelho supracitado, iremos refletir sobre um trecho do capítulo treze do Evangelho de Marcos. O ensino de Jesus nessa passagem é sobre serviço e a vida de santidade, e já podemos começar com uma pergunta: o que temos aprendido sobre santidade em nossa caminhada como…

Judaísmo e Cristianismo – Parte 77: Noah (Noé) – Um drama em Quatro Atos

Por Jonathan Sacks Entre a criação do universo e o chamado a Abraão, a Torah conta quatro histórias: Adão e Eva, Caim e Abel, Noé e a geração do dilúvio e a torre de Babel. Existe alguma conexão entre essas histórias? Eles estão lá apenas porque aconteceram? Ou existe uma lógica subjacente mais profunda? Como veremos, existe. O primeiro…

Feliz é aquela que creu que se cumprirá aquilo que o Senhor lhe disse!

Uma oportuna Leitura para a expectativa do Natal do Senhor, sob a inspiração de Lc 1,45. Por Ana Selma Com essa passagem bíblica conhecido como Visitação, podemos fazer diversas reflexões. Podemos dizer que Maria, é a jovem Igreja, habitada pelo Cristo. Ela vai ao encontro da sua prima Isabel, que representa a velha Igreja, habitada pelo último dos…

Advento, tempo de encontros e de visitas

Por  Claudete Beise Ulrich Sob a Inspiração de Lucas 1,39-45 Advento, tempo de encontros!Advento, tempo de preparação!Advento, tempo de visitas!Deus vem nos visitar!Advento, tempo de tornar a vida mais doce, na certeza que a tua“Palavra é mais doce que o mel e o destilar dos favos” (Sl 19,10). A Palavra de Deus iluminando a nossa…

Aos olhos de Deus, o que parece pequeno é o mais importante

A propósito de Lucas 1,39-45, no IV Domingo do Advento Por Itacir Brassiani No quarto domingo da caminhada do Advento nossa atenção é atraída pelo encontro entre duas mulheres grávidas. A cena se desloca das margens do rio Jordão a um ambiente doméstico, e o apelo forte e claro do profeta dá vez à voz…

Viver a alegria do evangelho renovando nossas relações

A propósito de Lucas 3,10-18 Por  Itacir Brassiani O apelo à igualdade, a abaixar e elevar, ressoou como toque de sino no segundo domingo do advento. Hoje, quando se nos abre a terceira semana dessa bela e exigente caminhada espiritual, somos chamados à alegria profunda e duradoura e a mudanças práticas e concretas em nossas…

Judaísmo e Cristianismo – Parte 76: O Gênesis do Amor

Por Jonathan Sacks Em The Lonely Man of Faith (O homem solitário de Fé), Rabi Soloveitchik chamou nossa atenção para o fato de que Bereshit contém dois relatos separados da criação. O primeiro está em Gênesis 1, o segundo em Gênesis 2-3, e eles são significativamente diferentes. No primeiro, Deus é chamado de Elohim, no segundo, Hashem…

Judaísmo e Cristianismo – Parte 75: O nascimento de Isaac

Então compreendemos o porquê da Tradição ter escolhido para a leitura bíblica do dia de Rosh Hashana, o nascimento de Isaac e a prova da sua amarradura, e por texto profético (haftara), o nascimento de Samuel. Mesmo que cada nascimento seja em si mesmo milagroso, é sempre uma graça pura que nos é oferecida, jorrando…

Judaísmo e Cristianismo – Parte 74: O mês do início

A tradição oral ampliará a importância do Rosh Hashana anexando-o a um acontecimento fundador. Os Mestres do Talmud[1] discutem sobre o início do mês de origem do mundo. Segundo rabi Eliezer, o mundo foi criado no mês de Tishri, segundo rabi Josué, ele foi criado no mês de Nissan. Discussão puramente teórica que é preciso entender…

E-book Caminhando com Jesus Cristo, nas periferias humanas

Com muita alegria, o Blog das Comunidades O Caminheiro do Reino vem apresentar o estudo de Edilson de Carvalho e Adriana Oliveira sobre o Evangelho de Lucas. Vejamos abaixo a apresentação deste lindo caminho por seus organizadores. E-book Caminhando com Jesus Cristo, nas periferias humanas A ideia de compor este e-book, partiu das exortações do…

Em meio à treva escura

Em meio à treva escura,ressoa clara voz.Os sonhos maus se afastem,refulja o Cristo em nós. Despertem os que dormemferidos de pecado.Um novo sol já brilha,o mal vai ser tirado. Do céu desce o CordeiroQue traz a salvação.Choremos e imploremosDas culpas o perdão. E ao vir julgar o mundoNo dia do terror,Não puna tantas culpas,Mas venha…

Judaísmo e Cristianismo – Parte 73: Criação e Julgamento

Durante o ofício da manhã de Rosh Hashana, a comunidade repetirá várias vezes: “Hoje a criação do mundo, hoje são julgadas todas as criaturas do mundo, seus filhos, seus servidores, somos como filhos, seja misericordioso como um pai é para com seus filhos, se nós somos como servidores, nossos olhos se dirigem a Ti até que…

Judaísmo e Cristianismo – Parte 72: Rosh HaShana – O Novo Ano

Por Philippe Haddad [*]Tradução de Pe. Fernando Gross Enquanto o Shabat e as Festas de Peregrinação são ligadas a acontecimentos precisos, não encontramos no texto Bíblico passagem alguma que justificasse a celebração de Rosh Hashana. Escutemos o que nos diz o Livro do Levítico (23, 24-25): “No sétimo mês, no primeiro dia do mês, será para vocês um dia…

Coragem para testemunhar esperança

A propósito do Salmo 133; de Daniel 2.1-23; de Atos 4.23-31 Muitas vezes nós cristãos perdemos a coragem de testemunhar o amor de Deus, partilhamos conversas sobre todos os assuntos, mas quando se fala em religião, denominação, deixamos essa tarefa para os irmãos e irmãs evangélicas. Porém, é verdade que o mundo está sedento não de…

Judaísmo e Cristianismo – Parte 71: O Novo Mês (Rosh Chodesh)

Por Philippe Haddad [*]Tradução de Pe. Fernando Gross Antes da saída do Egito, Deus se dirige a Moisés e a Aarão, durante o mês de Nissan nesses termos: “Este mês – renovação da lua – será para vós o começo dos meses, será o primeiro mês – a primeira das renovações – do ano” (Ex 12,2). Aqui temos uma…

Judaísmo e Cristianismo – Parte 70: Pessach, Shavuot e Sukot

Por Philippe Haddad [*]Tradução de Pe. Fernando Gross Pessach, é a festa que exige a maior preparação. Por quase um mês, a casa é limpa de cima para baixo a fim de eliminar qualquer vestígio de pão, e de um modo geral os cinco cereais: trigo, cevada, aveia, centeio e espelta (trigo vermelho) – sob a forma sólida…

Judaísmo e Cristianismo – Parte 69: As Festas Agrícolas

Por Philippe Haddad [*]Tradução de Pe. Fernando Gross As festas de peregrinação a Jerusalém estão em uma estreita relação com os momentos agrícolas que colocam ritmo na vida econômica. Pessach é a festa da primavera, Shavuot é aquela da colheita do trigo e Sukot aquela do armazenamento. O que caracteriza esses nomes é dar o seu significado próprio às solenidades hebraicas e…

O trigo e a palha – Lc 3,10-18 | Por Sandro Gallazzi

Lc 3,10 18 Naquele tempo, as multidões perguntavam a João: “Que devemos fazer?” João respondia: “Quem tiver duas túnicas, dê uma a quem não tem; e quem tiver comida, faça o mesmo!” Foram também para o batismo cobradores de impostos, e perguntaram a João: “Mestre, que devemos fazer?” João respondeu: “Não cobreis mais do que foi estabelecido”. Havia também…

A fundamentação bíblica da Encíclica Fratelli Tutti

Por Francisco Orofino* Francisco fundamenta biblicamente sua encíclica Fratelli tutti (de agora em diante FT) com mais de 60 citações bíblicas. No entanto, cerca de 90% delas estão no segundo capítulo chamado “Um estranho no caminho” (FT 56 a 86). Neste capítulo Francisco entra em detalhes no grande fundamento bíblico de sua proposta para a fraternidade e…

Judaísmo e Cristianismo – Parte 67: As Festas de Peregrinação

Por Philippe Haddad [*]Tradução de Pe. Fernando Gross Os três pés. A Torah fala de três festas como três momentos privilegiados do ano agrícola onde as tribos deviam subir ao Templo de Jerusalém. Pessach (Páscoa) relembra a saída do Egito; Shavuot (Pentecostes), a revelação do Sinai e por fim Sucot (Cabanas), lembrando a proteção divina durante a travessia no deserto. Essa última se concluía…

Judaísmo e Cristianismo – Parte 66: As Festas da Torah – O Shabat de Deus

Por Philippe Haddad [*]Tradução de Pe. Fernando Gross Os ritos ou os mandamentos são o próprio coração da vida judaica, sem a prática deles e do estudo sobre eles, o Judaísmo não teria conseguido vencer as tormentas da sua história. Vamos conhecer as solenidades que marcam o ritmo do ano judaico. É no final do primeiro capítulo do…

Judaísmo e Cristianismo – Parte 65: A Pergunta e Resposta (Sheelá – Teshuvá)

Por Philippe Haddad [1]Tradução de Pe. Fernando Gross Literalmente essa expressão significa “questão-resposta” e afirma a correspondência entre um fiel e seu rabino, a fim de esclarecer o primeiro sobre um tema difícil da tradição judaica, e de um modo particular, sobre a conduta a seguir no rito. A dificuldade para o fiel encontrar uma resposta é dupla:…

A leitura bíblica na iminência de tsunamis | Por Eduardo Hoornaert

Neste momento estão se formando, no alto oceano das tendências históricas, diversos tsumanis que sacudirão fortemente as praias da leitura bíblica num futuro ainda não definido. Desde já constituem uma ameaça à leitura tradicional da Bíblia, tal qual é praticada em inúmeras comunidades cristãs ao redor do mundo. São agitações de diversos tipos, como aquelas…

Judaísmo e Cristianismo – Parte 64: O Midrash

Por Philippe Haddad [1]Tradução de Pe. Fernando Gross Como a Mishná ou o Talmud, o Midrash foi um trabalho coletivo. Da raiz darosh “procurar”, o Midrash é primeiro um “método de interpretação” antes de se tornar uma “busca” no plano ético, filosófico ou narrativo a partir da Escritura, a parte puramente de contos traz o nome de Hagadá ou “Narração”. Consideramos como…