Simbologias de Pentecostes em At 2, 1-13 | Por Frei Jacir de Freitas Faria, OFM

Por Frei Jacir de Freitas Faria, OFM

Em Jerusalém celebrava-se a Festa das Semanas (Pentecostes), 50 dias depois da Páscoa. Era o dia 06 do mês de Sivan (no nosso calendário: 22 de maio), Jerusalém estava repleta de peregrinos. Todos teriam trazido as primeiras colheitas para serem ofertadas no Templo. A peregrinação até Jerusalém teria sido linda. Imagine grupos de pessoas caminhando juntos com cestos de uva, trigo, azeitonas, tâmaras, mel, e sendo acolhidos em Jerusalém ao som de harpa, flauta e recitação de Salmos.

Todos carregavam dentro de si o desejo de agradecer a Deus pelas primeiras colheitas e comemorar o “dom da Torá” (Lei), dada ao povo no monte Sinai. Comemorar o recebimento da Torá era o mesmo que afirmar: no dia de sua revelação eu também estava lá (Dt 5, 24). O ontem se torna hoje (Lc 4). Assim, em Jerusalém estavam todos. E todos presenciaram a vinda do Espírito Santo. Como podemos interpretar esse episódio narrado por Lucas? Não estaria aí uma releitura do evento Sinai? Vamos procurar responder essas questões perguntando-nos pela simbologia no texto.

Casa em Jerusalém. A vinda do Espírito Santo ocorre, segundo a tradição, em uma casa de dois andares, na cidade de Jerusalém, a qual se situa sobre o monte Sião. Esses dois detalhes evocam claramente o monte Sinai, local onde Moisés recebeu com o povo os 10 Mandamentos.

Línguas. Lucas substitui voz que aparece na narrativa do Sinai para língua. Esses termos são semelhantes e ambos se referem à Palavra. A Palavra é a presença de Deus. Língua e linguagem têm o mesmo sentido no texto. Alguém fala e outro entende. O milagre de Pentecostes consiste no fato que todos entendem os apóstolos na sua própria língua e cultura. É o mesmo que dizer: a evangelização se realiza com sucesso.

O “falar em línguas” (At 10,46; 19,6; 1 Cor 12,10.28.30; 14,2.4-6.9) aparece no texto em questão com o acréscimo de “outras línguas”. Lucas acrescentou esse “outras” para reforçar a sua intenção de evangelizar a “todos, no mundo todo”. Falar uma língua que ninguém entende não tem sentido nenhum, mesmo que chamem a isto de oração.

De fogo. Representa a manifestação de Deus. É um modo apocalíptico para dizer que Deus se manifestou (Ex 3,2-3; 13,21; 19,18). Deus acompanha o povo pelo deserto numa coluna de fogo que iluminava a noite (Ex 13,20-22). Deus desce para falar com o povo e Moisés no Sinai por meio de um fogo (Ex 19,18). Em Atos dos Apóstolos o Espírito Santo é o fogo da Palavra de Jesus que deve ser anunciada pelos seus seguidores.

Multidão. Simboliza o povo no deserto que recebeu as tábuas da Lei. Em Pentecostes eram três mil, número não exato, e provinham de 12 povos e 3 regiões.

Vendaval impetuoso. Simboliza a manifestação de Deus. É a “violência” do Espírito que leva a comunidade a ser profética e missionária.

Estão cheios do vinho doce. Esta acusação simboliza os que não estão abertos ao novo da comunidade cristã.

Lucas descreve o acontecido em Pentecostes tendo na memória a narrativa do Sinai. Era preciso demonstrar que um novo Sinai estava acontecendo na comunidade cristã de Jerusalém, por meio do Espírito Santo, prometido por Jesus. Pentecostes passa a ser o batismo da comunidade cristã, sendo assim confirmada na missão de ir e evangelizar o mundo. Mais do que um dado histórico, Pentecostes é uma profissão de fé. Sem Pentecostes, a Páscoa (Passagem) em Jesus para uma nova vida não estaria completa.

***

Presença de Frei Jacir nas Mídias Sociais

Frei Jacir de Freitas Faria, OFM é Doutor em Teologia Bíblica pela FAJE (BH). Mestre em Ciências Bíblicas (Exegese) pelo Pontifício Instituto Bíblico de Roma. Professor de Exegese Bíblica. É membro da Associação Brasileira de Pesquisa Bíblica (ABIB). Sacerdote Franciscano. Autor de dez livros e coautor de quinze.

Canal Frei Jacir Bíblia e Apócrifos:
Oferece aulas e lives sobre Bíblia e Apócrifos
https://www.youtube.com/channel/UCwbSE97jnR6jQwHRigX1KlQ

Página Bíblia e Apócrifos:
http://www.bibliaeapocrifos.com.br/

Reflexões Bíblicas no Canal Grupo de Reflexões Bíblicas São Jerônimo:
https://www.youtube.com/channel/UCkVLcYNOuzQL_HL1g8e3_lg

Instagram:
https://www.instagram.com/freijacir/

Facebook:
https://www.facebook.com/freijacir.freitasfaria

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: