Judaísmo e Cristianismo – Parte 25: A Região da Judéia na época de Roma

25 – A Região da Judéia na época de Roma

Por Philippe Haddad [1]
Tradução de Pe. Fernando Gross

Os Romanos tinham por princípio não se intrometer nos assuntos internos das províncias conquistadas, enquanto elas aceitassem o jugo do Imperador. O grande tribunal de Jerusalém, o Sinédrio, continuava a exercer seu poder nos domínios civil e religioso, mas também devia submissão aos procuradores locais. Entre esses governantes, é preciso nomear Pôncius Pilatos.

Foi sob sua administração (26-36 d. J. C.) que ocorreram fortes períodos de violência, de corrupção e de execução daqueles que foram julgados perigosos para o poder. Chegou ele até mesmo a saquear o Templo para construir um aqueduto. Ele exigia do Sinédrio, com severas ameaças, de se livrar de qualquer pessoa que perturbasse a ordem pública.

____________
[1] As publicações desta série sobre o Judaísmo são extraídas da obra do Rabino francês Philippe Haddad, no livro: Como explicar o judaísmo aos meus amigos. A tradução é de Pe. Fernando Gross. In: www.judaismoecristianismo.org

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s