QUE TODOS SEJAM UM E AS ÁGUAS ABUNDANTES MARGEADAS

Dom Guilherme Antonio Werlang
Bispo de Lages (SC)

O Padre Zezinho tem uma canção, “IRMÃOS SEPARADOS”. Entre outras coisas ele canta e afirma que todos os cristãos, “SÃO IRMÃOS, MAS ALGUNS NÃO ACEITAM QUE SÃO”. Cada um por seu lado, cada um com seu jeito, seu modo de orar, cada um diz que o fiel mais fiel é só o que faz e aceita fazer como eles fazem ou dizem. Diz que normalmente eles gostam mais de ENSINAR E PREGAR, e não gostam nem aceitam DIALOGAR. São cristãos que se separam na hora da prece, na hora de ler e interpretar a Palavra de Deus (livro) e na hora do PÃO (da ceia sagrada).

Infelizmente, depois de mais de 400 anos desde as grandes e históricas SEPARAÇÕES que aconteceram na Reforma Protestante, a partir do Concílio ECUMÊNICO Vaticano II, Católicos e Protestantes – Evangélicos, também as Igrejas Orientais, com seus bispos, pastores, teólogos e milhares de leigos e leigas BUSCAM INCESSANTEMENTE O CAMINHO DA APROXIMAÇÃO, DA PAZ, DA UNIDADE E DO DIÁLOGO, alguns IRMÃOS E IRMÃS, principalmente dentre os Católicos Romanos, procuram por seus fanatismos aumentar os abismos e as SEPARAÇÕES. Querem ser ROMANOS, mas não aceitam o Papa, não aceitam suas catequeses, suas orientações; Não aceitam seus pastores, os Bispos, e seus ensinamentos. Julgam-se os “SALVADORES DA VERDADEIRA IGREJA DE CRISTO”. Aqui não tenho a intenção de acusá-los, mas de chamar atenção para esta FERIDA, CHAGA E NOVO ESCÂNDALO ENTRE IRMÃOS E IRMÃS CRISTÃOS. Nada é mais vergonhoso e danoso para o cristianismo que o contratestemunho e a quebra da UNIDADE.

Não sei se aceitam que Jesus disse ao fraco e pecador Simão Pedro: “Tu és Pedro e sobre esta pedra edificarei a MINHA IGREJA; Não sei se lembram que Jesus disse: “Eu te darei as CHAVES do Reino dos Céus; Tudo que TU ligares na Terra será ligado no céu e tudo o que TU desligares na Terra será desligado no céu; Não sei se lembram que Jesus, após sua ressurreição perguntou a Simão Pedro por 3 vezes: Simão filho de João, TU ME AMAS MAIS QUE ESTES, e ao ouvir a resposta do SIM, disse, “APASCENTA MINHAS OVELHAS”.

Jesus, sabendo das DIVISÕES em todos os grupos humanos, até porque sentia isso dentro de seu grupo de discípulos e discípulas, faz ainda uma oração final antes de voltar ao Pai. Esta oração longa se encontra no capítulo 17 de São João. Nela Jesus reza INSISTENTEMENTE ao Pai para que TODOS os seus seguidores e seguidoras, formassem NELE uma UNIDADE tão forte e grande quanto a própria UNIDADE entre Ele – o Filho – e o Pai. Ainda afirma na prece que dirige ao Pai, que o mundo só poderá crer Nele e em sua Palavra, MEDIANTE O TESTEMUNHO DA UNIDADE DE SEUS SEGUIDORES.

Nos versículos 20-23 do capítulo 17 Jesus, em oração, diz ao Pai: “Eu não rogo somente por eles, mas também por aqueles que hão de crer em mim, pela palavra deles. QUE TODOS SEJAM UM, COMO TU, PAI, ESTÁS EM MIM, E EU EM TI. Que também eles estejam em nós, a fim de que o mundo creia que tu me enviaste. Eu lhes dei a glória que tu me deste, para que ELES SEJAM UM, COMO NÓS SOMOS UM, EU NELES E TU EM MIM. Sejam assim consumados na UNIDADE, e o mundo reconheça que tu me enviaste e os amaste, como amaste a mim”.

Desde os tempos de Pedro e Paulo temos registros de SEPARAÇÕES e DESOBEDIÊNCIAS nas Comunidades Cristãs. Também temos registros de cartas dos primeiros sucessores de Pedro, onde se dirigem à Igrejas que estão se dividindo porque alguns membros que causavam DIVISÕES e não aceitavam os ensinamentos de seus dirigentes bispos, presbíteros e diáconos. Nestas cartas pedem que estes SEPARADOS e causadores de DIVISÕES se arrependam e voltem ao rebanho e à obediência.

Agora nas últimas 5 ou 6 décadas, especialmente desde o Concílio ECUMÊNICO e com a facilidade e agilidade das modernas comunicações, muitos IRMÃOS E IRMÃS voltam a INCITAR DISCÓRDIAS, ÓDIOS, DESOBEDIÊNCIAS E CAUSANDO GRANDES SEPARAÇÕES E DIVISÕES, TANTO ENTRE CATÓLICOS QUANTO ENTRE EVANGÉLICOS. O pior é que estas DIVISÕES E SEPARAÇÕES ACONTECEM SEM SAIREM DA IGREJA, SEM SE SEPARAREM OFICIALMENTE. PERMANECEM DENTRO SÓ ESPALHANDO RUPTURAS.

Agora NESTE INÍCIO DE ANO DE 2021, quando nossa Campanha da Fraternidade, pela 5ª vez, é preparada e será celebrada ECUMENICAMENTE entre as várias IGREJAS CRISTÃS, surgiram novamente os SEMEADORES DO JOIO, porque não aceitam o material produzido ECUMENICAMENTE, sentados na mesa comum do AMOR e da FRATERNIDADE. Fazem campanhas para que os ÚNICOS E AUTÊNTICOS CATÓLICOS, que entendem serem eles próprios, boicotem a CNBB, o Papa Francisco que apoia esta Campanha da Fraternidade Ecumênica e falsamente acusam o desvio de finalidade das coletas. E O MAIS TRISTE EM TUDO ISSO É QUE TEMOS ATÉ BISPOS E PADRES QUE ABERTAMENTE, PELAS REDES SOCIAIS, ESTÃO NESTA BARCA E CONLUIO DA DIVISÃO, DA DESOBEDIÊNCIA E DA SEPARAÇÃO.

Um rio quando perde suas margens e seus barrancos que lhe põe LIMITES, deixa de ser rio. Pode até ser um espraiado, mas as suas águas nunca chegarão ao seu destino, o mar.

Quem sai da COMUNHÃO e da UNIDADE com os irmãos e as irmãs, se AUTO EXCOMUNGA. Isso não pode acontecer. AMEMOS TODOS QUANTOS AGORA NOS PERSEGUEM E CRITICAM; REZEMOS POR TODOS E TODAS QUE SE DEIXAM GUIAR POR PASTORES E PASTORAS DAS REDES SOCIAIS QUE SE COLOCAM E SE JULGAM ACIMA DO MAGISTÉRIO DA IGREJA; REZEMOS PARA QUE A ATUAL CRISE SEJA UMA GRANDE PURIFICAÇÃO PARA CRISTÃOS E CRISTÃS; REZEMOS PARA QUE A ORAÇÃO PELA UNIDADE FEITA POR JESUS AO PAI, PRODUZA FRUTOS E NOS RECONCILIE DEVOLVENDO A PAZ AO REBANHO DO SENHOR.

Fonte: CNBB

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s