Natal 2020. Cardeal Filoni: “Deus entra na história humana, não a abandona”

Na Encarnação, afirma o grão-mestre da Ordem Equestre do Santo Sepulcro de Jerusalém, “Deus entra na história humana, não a abandona, desinteressando-se. O rebaixamento do Senhor que contemplamos na Encarnação não está terminado. É um mistério que continua na Igreja”. “Jamais devemos esquecer que a vida do cristão é um caminho que leva ao encontro com o Senhor; como peregrinos, acompanham-nos a oração, esperança e boas obras”, ressalta

Uma mensagem em vídeo para os membros da Ordem que vivem nos EUA para guiá-los espiritualmente no caminho de preparação para o Natal: é a iniciativa tomada pelo grão-mestre da Ordem Equestre do Santo Sepulcro de Jerusalém, cardeal Fernando Filoni, a pedido do vice-governador para a América do Norte, Tom Pogge.

Trata-se de uma mensagem na qual o purpurado evidencia o significado fundamental do Advento, um tempo que, explica o grão mestre, marca “o início de um novo ano litúrgico, correspondente ao presente que vivemos, uma memória, ou seja, do evento histórico da vinda do Senhor na carne e da expectativa escatológica ou última, em relação à nossa existência”.

Advento, tempo rico de orações, meditações e celebrações

Através da liturgia, “a Igreja anuncia e celebra o mistério da Redenção e realiza a obra da salvação. Trata-se de reviver com ações sagradas e espirituais os anos não longos da vida do Senhor: sua encarnação e nascimento, seus ensinamentos e atividades, sua paixão, morte e ressurreição; enfim, o tempo em que, com o Pentecostes, a Igreja foi formada e sua missão no mundo começou.  Todos os grandes mistérios da fé encontram espaço e vida no Ano Litúrgico”.

É uma questão, afirma o cardeal, “de reviver nas quatro semanas do Advento a longa espera do povo pela Redenção.  Isto se dá através da leitura e meditação de passagens escolhidas da Sagrada Escritura que convido a ler diariamente pela internet, na ausência de um bom livro litúrgico. Este tempo é rico de orações, meditações e celebrações que despertam a expectativa e a alegria que um grande evento comporta”.

Vida do cristão, caminho que leva ao encontro com o Senhor

Na Encarnação, prossegue o grão-mestre: “Deus entra na história humana, não a abandona, desinteressando-se. O rebaixamento do Senhor que contemplamos na Encarnação não está terminado. É um mistério que continua na Igreja”.

“Jamais devemos esquecer que a vida do cristão é um caminho que leva ao encontro com o Senhor; como peregrinos, acompanham-nos a oração, esperança e boas obras. Toda dama e cavaleiro – conclui o cardeal Filoni – sempre carrega consigo a lâmpada da operosidade e da vigilância, fazendo sua a exortação do Senhor: ‘Vigiai… fazei com que (o Senhor) não vos encontre adormecidos’.”

Fonte: Vatican News

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: