Nota de repúdio sobre as declarações de Bia Dória em relação a População em Situação de Rua

Estupefato! Revoltante! Não se pode definir de outra forma as declarações da primeira dama do governo de São Paulo, Bia Dória, em entrevista à socialite Val Marchiori e publicada em rede social quinta feira, 2 de julho. Nesta, afirma que não se deve doar marmitas às pessoas em situação de rua, pois isto as acomoda.

Ver: (https://g1.globo.com/sp/sao-paulo/noticia/2020/07/03/bia-doria-diz-que-nao-se-deve-doar-marmitas-para-moradores-de-rua-porque-eles-gostam-de-ficar-nas-ruas-e-um-atrativo.ghtml).

Não se pode dizer que esta seja uma avaliação técnica. Desconhecemos a qualificação da primeira dama para tanto. Nada se sabe de alternativa contrária oferecida aos nossos irmãos e irmãs de rua. A caridade de iniciativa privada é, muitas vezes, a única solução à fome eminente. Único alento.

Não! Bia Dória nada apresenta como alternativa em oposição à caridade de algumas almas de boa vontade. Ventila a necessidade de que estes nossos irmãos e irmãs devem sair das ruas. Entretanto, sabemos que o procedimento de seu marido, João Dória, em relação à população em situação de rua é a faxina social. Os albergues estão cada vez mais lotados, com menos recursos.

Se não temos uma alternativa exceto a caridade, fica marcante a fala infeliz da esposa do governador. Desperta-nos a pergunta: a solução para diminuir o número destes abandonados seria não mais alimetá-los? Sem avaliar os motivos, as psicopatologias, sem olhar humanamente. A solução é reprimir! Ser intolerante! Negar o inevitável: há pessoas em extrema miséria, sofrendo de psicopatologias, jogadas nas periferias existenciais. Marginalizadas, criminalizadas, desumanizadas. Sofrem de fome, frio e toda sorte de abandono. Outrossim, a solução é negar o pouco auxílio que lhes resta.

Ante ao pronunciamento bárbaro, resta-nos a oportuna sentença do saudoso antropólogo Darci Ribeiro: “A elite brasileira é a mais nogenta que se conhece”.

Hermes de Abreu Fernandes

Karina Moreti

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s